Neste artigo explicamos como funciona a nova regra de transferência de créditos da Nota Fiscal Paulista; veja também o passo a passo para consultar o saldo pelo site do programa


A partir de fevereiro de 2018, a Nota Fiscal Paulista passa a ter uma nova norma para quem quer transferir créditos: todas as pessoas que tiverem saldo superior a R$ 0,99 poderão transferir valores para uma conta bancária. Antes, era necessário acumular pelo menos R$ 25 para realizar a operação.

Essa é uma das mudanças mais importante no sistema da Nota Fiscal Pta. Desde a criação do programa, em 2007, a quantia mínima para resgatar os créditos não sofria alterações. A medida atende a uma das principais reivindicações dos usuários, que se queixavam da dificuldade em obter R$ 25 para conseguir receber o dinheiro.


Como consultar o saldo da Nota Fiscal Paulista

Nota Fiscal Paulista tem nova regra para transferências

Quer saber quanto você tem de saldo para fazer uma transferência? Se o seu cadastro for restrito, não será possível fazer essa consulta. Isso acontece porque o site da Nota Fiscal Paulista limita as funcionalidades para pessoas que nunca resgataram um valor. Portanto, só será possível descobrir quanto você tem acumulado após o resgate ser confirmado.

Mas agora que ficou mais fácil transferir os créditos, acompanhe esse tutorial que preparamos e veja todos os passos para receber o dinheiro da Nota Paulista na sua conta.


Como transferir os créditos da Nota Fiscal Paulista

1. Acesse o site da Nota Fiscal Paulista pelo endereço www.nfp.fazenda.sp.gov.br;

2. Localize o menu à esquerda da página inicial e clique na opção “Acesso ao Sistema”;

3. Na tela seguinte, selecione a opção “Consumidor” e informe seu CPF ou CNPJ e a senha (dica: se você não se lembra da senha, veja como recuperar a senha da Nota Fiscal Paulista);

4. Em seguida, localize a opção “Conta Corrente” e depois clique em “Utilizar Créditos”

5. O sistema vai exibir três opções de transferência:

  • Crédito em conta corrente
  • Crédito em conta poupança
  • Quitação ou abatimento no valor do IPVA (disponível somente em outubro)

Escolha a opção desejada para prosseguir;

6. Na página seguinte, é preciso preencher as informações bancárias (código do banco, agência e conta). Os bancos disponíveis para fazer a operação são:

  • Banco do Brasil
  • Bancoob
  • Bradesco
  • Caixa Econômica Federal
  • Citibanj
  • HSBC
  • Itaú
  • Mercantil
  • Safra
  • Santander

A conta deve estar no mesmo nome do titular do cadastro da NF Paulista. Caso contrário, a operação não poderá ser realizada;

7. Após preencher os dados do banco, informe o valor desejado para transferir e clique em “Confirmar”;

8. Na próxima tela, confira se os dados estão corretos e clique em “Efetuar transferência”;

9. Em seguida, você verá uma mensagem confirmando a operação e informando que o valor estará disponível na sua conta em até 15 dias úteis.

10. Após o dinheiro entrar na conta, acesse novamente seu cadastro para consultar o saldo disponível. Essa informação é exibida na tela inicial, abaixo do CPF e do Usuário.


Atendimento da Nota Fiscal Paulista no Poupatempo

Se você estiver com dificuldades para acessar o cadastro, procure um dos postos do Poupatempo e peça orientações para a Nota Fiscal Paulista.


Atendimento da Nota Fiscal Paulista por telefone

Se preferir, entre em contato também pelo telefone da Secretaria da Fazenda. O número é 0800-170110.

Você acabou de conferir o post sobre a mudança nas transferências da Nota Fiscal Paulista. Se elas te ajudaram de alguma forma, compartilhe para que mais pessoas tenham conhecimento dessas informações.

Nota Fiscal Paulista tem nova regra para transferências
3.5 (70%) 2 votes